SCM Music Player

sábado, 18 de outubro de 2014

MARINA SILVA EM BELÉM: “JATENE SERÁ REELEITO!”

“Nem toda eleição se ganha ganhando. Em algumas se usam mecanismos tão rasteiros e mentirosos que ganhar na urna não significa ganhar de verdade. Mas, no caso de Simão Jatene, eu confio no povo do Pará e tenho a certeza de que ele vai ganhar ganhando essa eleição. Jatene vai ganhar e vai ser reeleito governador do Pará sem cair no vale-tudo nem abandonar seu caráter”, disse Marina Silva sobre o cenário da eleição no Pará, durante a reunião em que manifestou seu apoio à reeleição de Jatene. O encontro foi realizado na manhã deste sábado,18, no Parque dos Igarapés, em Belém.
A população e lideranças políticas da coligação “Juntos com o Povo” lotaram o anfiteatro do Parque para ouvir as considerações de Marina Silva sobre as questões amazônicas e a importância do Pará no contexto da Amazônia sustentável. Militantes do Rede Sustentabilidade, partido em processo de criação por Marina Silva, também estiveram presentes no encontro.
Marina lembrou que a preocupação com o meio ambiente e com a Amazônia sempre a acompanhou. “Não destruir a Amazônia é muito importante para o Estado do Pará e para a nossa Região, mas também é muito importante para o Brasil”, disse, acrescentando que a luta pela preservação foi fundamental para mover seu projetos quando ela foi ministra do Meio Ambiente, momento em que não obteve apoio em diversos governos da Região, como o de Mato Grosso e até mesmo de seu Estado, o Acre. “Quem apoiou meu projeto foi João Capiberibe, do Amapá, e Simão Jatene, que naquele momento governava o Pará pela primeira vez, mas com uma história de coerência com as questões importantes da Região e em especial do Pará”, afirmou.
Sobre o cenário político local, Marina disse que para cada mentira Jatene deve dar a sua face da verdade, e disse que sofreu toda a sorte de ataques mentirosos na campanha nacional. “Disseram que ia acabar com o bolsa-família, que ia entregar o governo para os banqueiros, que eu ia destruir o Brasil. Eu pergunto: é possível uma pessoa sozinha fazer isso? Todo o preconceito que diziam que Lula sofreu à época de Collor eu sofri nesta campanha por parte do PT. Quando resolvi apoiar Aécio Neves não foi por cargos nem interesses financeiros. Não pedi absolutamente nada, a não ser o compromisso com o Brasil, com a manutenção dos programas sociais, com a demarcação das terras indígenas e com uma agenda de compromissos com o Brasil e com o povo brasileiro”, disse Marina.
Jatene agradeceu muito a Marina Silva pelo apoio recebido, que ele avalia como uma adesão qualificada a projetos importantes para o desenvolvimento do Pará, da Amazônia e do Brasil. “Eu e Marina conversamos muito sobre as nossas questões regionais e a manifestação dela em prol de nossa candidatura me deixa muito feliz. Nosso programa para a região tem muitos pontos comuns aos que Marina defende, e os rumos que queremos em áreas importantes como o setor mineral, as reservas florestais e a agricultura familiar, entre tantos temas importantes, faz com que o espírito de união se fortaleça em torno dessas causas, que queremos fortalecer ainda mais junto com Aécio Neves na Presidência da República”, disse Jatene, que ao final do encontro fez novo agradecimento a todas as lideranças e pessoas da comunidade que o apoiaram. “Se chegamos até aqui é por todo o trabalho que vocês fizeram. Por isso, muito, muito obrigado e até a vitória”, disse, ao encerrar o encontro.