SCM Music Player

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Acusados de assassinar casal em Alter são presos

Cinco foram presos na noite de quinta-feira (8) sob acusação de serem os responsáveis pela morte do casal Mauro Borges, 30, e Jéssica Santos, 18, no dia 23 de outubro em Alter do Chão. Entre os acusados, dois são menores de idade. Todos são da Vila de Alter do Chão.

(Matéria alterada às 11h15 para corrigir informação sobre a quantidade de acusados presos. O portal notapajos se equivocou ao dizer que cinco foram presos, na verdade, seis indivíduos foram capturados, entre eles, três menores.)

Os jovens, Luis Carlos Santos Silva, conhecido como ‘Panga’; Manoel José da Silva dos Anjos, chamado de ‘Neneu’; Luan Rafael Medeiros, o ‘Beiçola’ e mais dois menores foram apresentados na Seccional de Polícia Civil ontem.

O casal foi encontrado morto na trilha que dá acesso à Serra Piroca na ilha de Alter do Chão. A jovem que estava despida pode ter sido vítima de violência sexual. Mauro estava vestido, com um golpe no peito. Os corpos apresentavam sinais de decomposição quando foram achados.


(Reprodução: TV Tapajós)


A polícia apreendeu com os acusados duas barras de madeira que ainda estavam com marcas de sangue. O material foi levado para perícia. Durante a noite eles foram interrogados sobre a localização da arma e a faca usada crime.

As barras de madeira (Reprodução: TV Tapajós)

A mãe de um dos menores criticou a abordagem da polícia na forma de buscar o material e disse que o filho é inocente. “Eu perguntei pra ele, falei pra ele, ele disse ‘mamãe não fiz nada pra ninguém pra quê que eu ia fazer isso’. Pegaram ele quando ele tava vendendo coco pra um senhor lá. Os policiais pegaram ele e um deles disse: ‘se você correr eu te atiro e vou te colocar num saco e vou te amarrar e você vai contar a verdade, onde tá o revólver e a faca?’ Ele disse que morria mas não dizia porque não matou ninguém. Tenho certeza que meu filho é inocente”, afirma a mãe que não quis se identificar.




 

Os três acusados serão apresentados pelo delegado Nelson Nascimento em coletiva a imprensa nesta manhã (9). Após os depoimentos os três maiores de idade serão encaminhados a Penitenciária Agrícola e os menores conduzidos a antiga FUNCAP.
 
 
Existe uma facção criminosa formada por bandidos e chamada de ELITE DE ALTER, no balneário. A foto do início da matéria foi tirada na cruz que fica na Serra da Piroca.

Fonte: Blog do JK (http://blogdojcampos.blogspot.com.br/) e redação notapajos com informações de Roberta Freitas.